18/12/2017 - 11h39
Por Assessoria de Comunicação SESAPI - secsaudepi@gmail.com

Maternidade Evangelina Rosa ganha prêmio em mostra sobre Segurança do Paciente

A maternidade mostrou os principais pontos dentro das metas de segurança que tiveram mais avanços.

Tamanho da fonte Font minus   Font plus
Elis Pegado Maternidade Evangelina Rosa ganha prêmio em mostra sobre Segurança do Paciente

A Maternidade Dona Evangelina Rosa foi premiada com o segundo lugar na I Amostra de Experiências de Práticas bem Sucedidas em Segurança do Paciente do Estado do Piauí. A premiação foi entregue para os profissionais do Núcleo de Segurança do Paciente (NSP) e da Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH) que estão envolvidos diretamente nessas ações por conta do bom desempenho na implantação e monitoramento das ações de gestão de segurança do paciente.

O evento reuniu os 20 maiores hospitais do Estado, com leitos de UTI, entre públicos e privados, e teve como objetivo fortalecer a necessidade de cumprimento das metas de Segurança do Paciente e Controle das Infecções Relacionadas à Assistência (IRAS), além de promover uma troca de experiências.

De acordo com coordenadora no Núcleo de Segurança do Paciente, da Maternidade, a enfermeira Virginia Lopes Cavalcante, o evento foi importante para que todos os profissionais presentes conhecessem as ações que estão sendo desenvolvidas na Rede de Saúde do Piauí com relação à segurança do paciente. “Todos os hospitais apresentaram suas experiências e suas ações dentro da prática de segurança do paciente, o que já fizeram e o que estão desenvolvendo, ou seja, suas vivências e suas práticas. Depois fomos avaliados por uma comissão formada por três profissionais da Vigilância Sanitária que observou, principalmente, o trabalho desenvolvido na maternidade, a segurança na apresentação e a qualidade do material”, explicou.

Na apresentação da MDER foram mostrados os principais pontos dentro das metas de segurança do paciente que tiveram mais avanços. A primeira, ainda segundo Virgínia, foi a implementação das pulseiras de identificação, seguido pela medicação segura, cirurgia segura, higienização das mãos e avaliação de riscos como quedas e lesões por pressão.

“Dentro de cada uma das metas de segurança do paciente nós fomos destacando os pontos que já estão em pleno funcionamento e os que estão em fase de implementação. Mostramos nossos dados e todas as ações desenvolvidas dentro da Evangelina Rosa para reforçar a importância da aplicação dessas metas no dia a dia. Nossos profissionais são estimulados com cursos, atualizações, palestras e campanhas a participarem ativamente da aplicação dessas metas. Sem eles nada disso seria possível”, comentou a enfermeira.

As seis metas de segurança do paciente foram estabelecidas pela Joint Commission Internacional (JCI) em parceria com a Organização Mundial de Saúde (OMS). O objetivo é promover melhorias na segurança do paciente em situações consideradas de maior risco. As metas adotadas são: Identificação correta do paciente; comunicação efetiva; segurança dos medicamentos; cirurgia segura; reduzir riscos de infecção; reduzir riscos de danos ao paciente.

Por Elis Pegado 


21/05/2018 as 13:23h

Cerca de 340 mil piauienses foram imunizados contra influenza

Até agora, 49,13% da população alvo da campanha já foi imunizada.

21/05/2018 as 09:16h

Hospital de Parnaíba inicia Telemedicina hoje (21)

HGV será Hospital de referência

21/05/2018 as 09:13h

Cirurgias bariátricas no HGV vão começar em 45 dias

Até setembro, HGV começará a realizar cirurgias cardíacas.

21/05/2018 as 09:06h

Maternidade Evangelina Rosa reforça estoque de medicamentos e insumos

Maternidade estará totalmente abastecida em curto espaço de tempo.

18/05/2018 as 17:04h

Plano de trabalho para Maternidade Dona Evangelina Rosa é apresentado na Câmara Municipal de Teresina

Maternidade é referência em alta complexidade materno-infantil

18/05/2018 as 09:40h

Entenda como é feita a testagem para H1N1 no Piauí

Exame feito no Estado é considerado padrão ouro